Golpistas criam perfis falsos de participantes do BBB e enganam mais de 300 mil


Mais de 300 mil brasileiros estão sendo enganados ao seguir perfis falsos de participantes do Big Brother Brasil 2021 nas redes sociais, de acordo com um levantamento realizado pelo dfndr lab, laboratório de segurança da PSafe. Segundo os especialistas, há mais de 60 contas maliciosas personificando celebridades famosas do programa em redes sociais como Facebook, Instagram e Twitter — esta última, aliás, consagra-se como a favorita dos cibercriminosos, concentrando o maior número de perfis fake.

“Os perfis falsos geralmente são usados para disseminar os mais diversos tipos de golpes, criando supostos sorteios de produtos e serviços e até prometendo falsas transferências de dinheiro pelo PIX. Ainda é possível que, com a posse de informações pessoais dos seguidores, como número de celular e CPF, consigam aplicar golpes financeiros, clonagem de WhatsApp ou envio de outros tipos de conteúdos maliciosos como phishing e malwares”, explica Emilio Simoni, diretor do dfndr lab.

Imagem: Captura de Tela/dfndr lab

Em alguns casos, o estelionatário não arma armadilhas diretamente para as vítimas, mas lucra com a publicação de postagens patrocinadas (pagas), divulgação de links de afiliados ou até mesmo com a venda da própria conta — após esta atingir um número respeitável de seguidores e um alto nível de engajamento — para terceiros, que a modificarão a bel-prazer e vão se aproveitar daquele público pré-formado para seus objetivos finais.

Imagem: Divulgação/PSafe

Curiosamente, o perfil falso que mais acumula seguidores é o de Tiago Leifert, apresentador do programa — a conta em questão ostenta mais de 270 mil fãs, incluindo o jogador de futebol Neymar. Mesmo que Leifert já tenha declarado abertamente na TV ser avesso ao Twitter e não possuir cadastro lá, seu “sósia” interage constantemente com a base de seguidores, que se mostra engajada ao responder perguntas e participar de enquetes sobre o BBB21. Até o momento, o falso Tiago não disseminou nenhum golpe.

No “ranking”, logo em seguida, temos um perfil malicioso de Gilberto Nogueira (cerca de 26 mil seguidores), Arcrebiano (16 mil), Kerline (2,7 mil) e Pocah (1,7 mil), dentre outros. Nesse meio, também há uma conta fake do próprio programa que já enganou mais de 13 mil internautas.

Fonte: dfndr lab

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.



Fonte da Notícia